domingo, 30 de outubro de 2011

Extraído de uma palestra realizada na Stanford University em Palo Alto, Califórnia acerca da conexão Mente-Corpo


O palestrante (Chefe da psiquiatria da Stanford) afirmou, entre outras coisas, que uma das melhores coisas que o homem pode fazer por sua saúde é estar casado com uma mulher. Já para a mulher, uma das melhores coisas que ela pode fazer pela sua saúde é nutrir a sua relação com suas amigas. Na hora, todos os presentes deram risada, mas ele falava sério.
As mulheres se conectam de forma diferenciada e oferecem sistemas de apoio que ajudam a lidar com o estresse e experiências de vida adversas. Este tempo com as amigas nos ajuda a criar mais serotonina, um neurotransmissor que ajuda a combater a depressão e que pode vir a criar um sentimento de bem estar geral.
As mulheres compartilham seus sentimentos e os homens muitas vezes formam suas relações a partir de suas atividades. Eles raramente sentam com um camarada e discutem como se sentem sobre determinadas coisas ou sobre o andamento de sua vida pessoal.
Trabalho? Sim
Esporte? Sim.
Carros? Sim..
Pescar, Caçar, Golfe? Sim.
Seus sentimentos? Raramente.
As mulheres fazem isso o tempo todo.
Nós compartilhamos a nossa alma com nossas amigas, irmãs/mães e evidentemente isso faz bem à nossa saúde.
O Professor palestrante disse que passar o tempo com um amigo é tão importante para a nossa saúde quanto o exercício físico.
Existe uma tendência de se pensar que quando estamos nos exercitando estamos fazendo algo de bom para o nosso corpo, mas quando estamos com nossos amigos estamos ‘jogando conversa fora’ e desperdiçando nosso tempo, o que não é verdade.
Então, toda vez que vocês estiverem se divertindo na companhia de uma amigona se parabenize porque você está fazendo bem a sua saúde!

Nós somos muito, muito
privilegiadas.Então vamos brindar nossa amizade com nossas amigas.

Faz bem à saúde!

sábado, 29 de outubro de 2011




A Marizinha está com um sorteio, já estou participando! Vocês não terão muitas chances. Mas entrem no blog dela e tentem: http://bymarizinha.blogspot.com/2011/10/sorteionosso-51-sorteio-kanitz-1900-01.html.

Beijos e Boa Sorte!
quinta-feira, 27 de outubro de 2011
PIZZARIA GOOGLE
.
- Pizzaria Google, boa noite!
- De onde falam?
- Pizzaria Google, senhor. Qual é o seu pedido?
- Mas este telefone não era da Pizzaria do...
- Sim senhor, mas a Google comprou a Pizzaria e agora sua pizza é mais completa.
- OK. Você pode anotar o meu pedido, por favor?
- Pois não. O Senhor vai querer a de sempre?
- A de sempre? Você me conhece?
- Temos um identificador de chamadas em nosso banco de dados, senhor. Pelo que temos registrado aqui, nas últimas 53 vezes que ligou, o senhor pediu meia quatro queijos e meia
calabreza.
- Puxa, eu nem tinha notado! Vou querer esta mesmo...
- Senhor, posso dar uma sugestão?
- Claro que sim. Tem alguma pizza nova no cardápio?
- Não senhor. Nosso cardápio é bem completo, mas eu gostaria de sugerir-lhe meia ricota, meia rúcula.
- Ricota ??? Rúcula ??? Você ficou louco? Eu odeio estas coisas.
- Mas, senhor, faz bem para a sua saúde. Além disso, seu colesterol não anda bom...
- Como você sabe?
- Nossa Pizzaria tem o banco de dados mais completo do planeta. Nós temos o banco de dados do laboratório em que o senhor faz exames também. Cruzamos seu número de telefone com seu nome e temos o resultado dos seus exames de colesterol. Achamos que uma pizza de rúcula e ricota seria melhor para sua saúde.
- Eu não quero pizza de queijo sem gosto e nem pizza de salada. Por isso tomo meu remédio para colesterol e como o que eu quiser...
- Senhor, me desculpe, mas acho que o senhor não tem tomado seu remédio ultimamente.
- Como sabe? Vocês estão me vigiando o tempo todo?
- Temos o banco de dados das farmácias da cidade. A última vez que o senhor comprou seu remédio para Colesterol faz 3 meses. A caixa tem 30 comprimidos.
- Porra! É verdade. Como vocês sabem disto?
- Pelo seu cartão de crédito...
- Como?!?!?
- O senhor tem o hábito de comprar remédios em uma farmácia que lhe dá desconto se pagar com cartão de crédito da loja. E ainda parcela em 3 vezes sem acréscimo... Nós temos o banco de dados de gastos com cartão na farmácia. Há 2 meses o senhor não compra nada lá, mas continua usando seu cartão de crédito em outras lojas, o que significa que não o perdeu, apenas deixou de comprar remédios.
- E eu não posso ter pago em dinheiro? Agora te peguei...
- O senhor não deve ter pago em dinheiro, pois faz saques semanais de R$ 250,00 para sua empregada doméstica. Não sobra dinheiro para comprar remédios. O restante o senhor paga com cartão de débito.
- Como você sabe que eu tenho empregada e quanto ela ganha?
- O senhor paga o INSS dela mensalmente com um DARF. Pelo valor do recolhimento dá para concluir que ela ganha R$ 1.000,00 por mês. Nós temos o banco de dados dos Bancos também. E pelo seu CPF...
- ORA VÁ SE DANAR !
- Sim senhor, me desculpe, mas está tudo em minha tela. Tenho o dever de ajudá-lo. Acho, inclusive, que o senhor deveria remarcar a consulta que o senhor faltou com seu médico, levar os exames que fez no mês passado e pedir uma nova receita do remédio.
- Por que você não vai à m....???
- Desculpe-me novamente, senhor.
- ESTOU FARTO DESTAS DESCULPAS. ESTOU FARTO DA INTERNET, DE COMPUTADORES, DO SÉCULO XXI, DA FALTA DE PRIVACIDADE, DOS BANCOS DE DADOS E DESTE PAÍS...
- Mas senhor...
- CALE-SE! VOU ME MUDAR DESTE PAÍS PARA BEM LONGE. VOU PARA AS ILHAS FIJI OU ALGUM LUGAR QUE NÃO TENHA INTERNET, TELEFONE, COMPUTADORES E GENTE ME VIGIANDO O TEMPO TODO...
- Sim, senhor...entendo perfeitamente.
- É ISTO MESMO! VOU ARRUMAR MINHAS MALAS AGORA E AMANHÃ MESMO VOU SUMIR DESTA CIDADE.
- Entendo...
- VOU USAR MEU CARTÃO DE CRÉDITO PELA ÚLTIMA VEZ E COMPRAR UMA PASSAGEM SÓ DE IDA PARA ALGUM LUGAR BEM LONGE DE VOCÊ !!!
- Perfeitamente...
- E QUERO QUE VOCÊ ME ESQUEÇA!
- Farei isto senhor... (silêncio de 1 minuto)
- O senhor está aí ainda?
- SIM, PORQUE? ESTOU PLANEJANDO MINHA VIAGEM... E PODE CANCELAR MINHA PIZZA.
- Perfeitamente. Está cancelada... (mais um minuto de silêncio) - Só mais uma coisa, senhor...
- O QUE É AGORA?
- Devo lhe informar uma coisa importante...
- FALA, CACETE....
- O seu passaporte está vencido.

terça-feira, 25 de outubro de 2011
FELIZ DIA DO PROFESSOR


SOU UM PROFESSOR QUE PENSA...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=14946&referrer=-&urlaction=...
Pensa em sair correndo toda vez que é convocado para uma reunião,
que certamente o responsabilizará mais uma vez, pelo insucesso do aluno.
SOU UM PROFESSOR QUE LUTA...
Luta dentro da sala de aula, com os alunos, para que eles não matem uns aos outros.
Que luta contra seus próprios princípios de educação, ética e moral.
SOU UM PROFESSOR QUE COMPREENDE....
Compreende que não vale a pena lutar contra as regras do sistema, ele é sempre o lado mais forte.
SOU UM PROFESSOR QUE CRITICA...
Critica a si mesmo por estar fazendo o papel de vários outros profissionais como:
psicólogo,
médico,
assistente social,
mas não consegue fazer o próprio papel que é o de ensinar.
SOU UM PROFESSOR QUE TEM ESPERANÇA...
E espera que a qualquer momento chegue um "estranho" que nunca entrou em uma sala de aula,
impondo o modo de ensinar e avaliar.
SOU UM PROFESSOR QUE SONHA...
SONHA COM UM ALUNO INTERESSADO,
SONHA COM PAIS RESPONSÁVEIS,
SONHA COM UM SALÁRIO MELHOR,
UM MUNDO MELHOR.
ENFIM, SOU UM PROFESSOR QUE REPRESENTA...
Representa a classe mais desprestigiada e discriminada,
e que é incentivada a trabalhar só pelo amor à profissão.
Representa um palhaço para os alunos.
Representa o fantoche nas mãos do sistema
concordando com as falsas metodologias de ensino.
E esse professor, que não sou eu mesmo,
mas é uma outra pessoa, representa tão bem,
que só não trabalha como ator, porque já é PROFESSOR
e não dá para conciliar as duas coisas.
[Professores de Niterói/São Gonçalo] http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=http://images.Quebles.com/h...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=http://images.Quebles.com/h...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=http://images.Quebles.com/h...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=http://images.Quebles.com/h...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=http://images.Quebles.com/h...
http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=6533&referrer=-&urlaction=r...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=6533&referrer=-&urlaction=r...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=6533&referrer=-&urlaction=r...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=6533&referrer=-&urlaction=r...http://tracking.technodesignip.com/?action=count&projectid=642&contentid=6533&referrer=-&urlaction=r...
segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Ofereço estas velas para todos os meus entes queridos que foram para o Plano Superior antes de mim. Que tenham muita luz e que iluminem meu caminho quando eu for encontrá-los.




Recados para Orkut

Recados de Velas



Beijos e uma ótima semana para todos.
quinta-feira, 20 de outubro de 2011


Ontem, às 5 horas e 10 minutos, subiu para o plano superior mais um espírito de luz, minha cunhada, Clara Ceci, a nossa Cissa.
Foi uma pessoa batalhadora, com uma força espiritual extraordinária, cuidou do marido dela, em casa, durante 6 anos - ele sofria com o mal de Alzheimer.
Sábado, dia15 de outubro, fomos avisados que a Cissa estava com câncer nos pulmões e metástase no fígado, rins, pâncreas e talvez nos ossos. Fomos visitá-la, estava de bom humor e disse que iria sair de lá. Domingo retornamos de Vera Cruz e passamos no Hospital para vê-la, estava muito frágil, tossia bastante e estava mais imobilizada.
Domingo a noite, uma prima dela, Terezinha, sonhou com os pais e o irmão dela, o Luiz Antônio, já falecidos, que diziam que eles estavam a esperando, que estava tudo pronto para a chegada dela. A Téca foi vê-la e nos ligou para dizer que ela estava brincando muito mas que não estava conseguindo comer nada. Dissemos que iríamos vê-la na terça feira. Terça feira, às 5:50hs a nora dela, a Simone me ligou para dizer que a Cissa havia partido para o plano superior.
Ontem acompanhamos seu corpo físico em sua última morada.
Para ela ofereço esta árvore florida que peguei do blog da Maria : http://algarve-saibamais.blogspot.com/ e este caminho de velas.
Cissa! Sei que teu Espírito foi recebido por todos que te antecederam e sei que irás preparar o caminho para nós. Muita Luz e Paz para ti!
Beijos.

terça-feira, 18 de outubro de 2011
Há uns fins de semana atras, eu fui pendurar roupa e vi um punhado de grama seca dentro do meu saquinho de prendedores. Pensei que era uma brincadeira do meu filho, que havia nos visitado no dia anterior. Tirei as gramas e usei os prendedores.
Aconteceu mais duas vezes, até que caiu a ficha: havia um passarinho fazendo ninho dentro da minha sacolinha de prendedores. Claro que não preciso dizer que meus prendedores foram parar dentro de uma sacolinha de plástico.
Hoje pela manhã, meu marido viu o passarinho e notou que estava muito apertado para ele entrar, então abriu com dois prendedores. Coloquei a máquina lá dentro para fotografar o ninho. Agora, estou louca para ver os ovinhos e os passarinhos depois. Beijos.
domingo, 16 de outubro de 2011
Recebi da Maria do blog http://maria-selinhos-presentesdosamigos.blogspot.com/.
Adorei a lembrança.
Os meus amigos que me visitarem, sintam-se escolhidos para levarem este selinho de qualidade.
Beijos.
Quero parabenizar aos professores pela coragem que demonstrou a Professora Vanessa Storrer:

PARA OS QUE FORAM PROFESSORES, PARA OS QUE AINDA LECIONAM E PARA OS
QUE TÊM FILHOS ESTUDANDO.

RESPOSTA À REVISTA VEJA
Sou professora do Estado do Paraná e fiquei indignada com a reportagem da jornalista Roberde Abreu Lima “Aula Cronometrada”. É com graDnde pesar que vejo quão distante estão seus argumentos sobre as causas do mau desempenho escolar com as VERDADEIRAS razões que geram este panorama desalentador. Não há necessidade de cronômetros, nem de especialistas para diagnosticar as falhas da educação. Há necessidade de todos os que pensam que: “os professores é que são incapazes de atrair a atenção de alunos repletos de estímulos e inseridos na era digital” entrem numa sala de aula e observem a realidade brasileira.

Que alunos são esses “repletos de estímulos” que muitas vezes não têm o que comer em suas casas quanto mais inseridos na era digital? Em que pais de famílias oriundas da pobreza trabalham tanto que não têm como acompanhar os filhos em suas atividades escolares, e pior em orientá-los para a vida? Isso sem falar nas famílias impregnadas pelas drogas e destruídas pela ignorância e violência, causas essas que infelizmente são trazidas para dentro da maioria das escolas brasileiras.

Está na hora dos professores se rebelarem contra as acusações que lhes são impostas. Problemas da sociedade deverão ser resolvidos pela sociedade e não somente pela escola.Não gosto de comparar épocas, mas quando penso na minha infância, onde pai e mãe, tios e avós estavam presentes e onde era inadmissível faltar com o respeito aos mais velhos, quanto mais aos professores e não cumprir as obrigações fossem escolares ou simplesmente caseiras, faço comparações com os alunos de hoje “repletos de estímulos”. Estímulos de quê? De passar o dia na rua, não fazer as tarefas, ficar em frente ao computador, alguns até altas horas da noite, (quando o têm), brincando no Orkut, ou o que é ainda pior envolvidos nas drogas. Sem disciplina seguem perdidos na vida.

Realmente, nada está bom. Porque o que essas crianças e jovens procuram é amor, atenção, orientação e disciplina.

Rememorando, o que tínhamos nós, os mais velhos, há uns anos atrás de estímulos? Simplesmente: responsabilidade, esperança, alegria.
Esperança que se estudássemos teríamos uma profissão, seríamos realizados na vida. Hoje os jovens constatam que se venderem drogas vão ganhar mais. Para quê o estudo? Por que numa época com tantos estímulos não vemos olhos brilhantes nos jovens? Quem, dos mais velhos, não lembra a emoção de somente brincar com os amigos, de ir aos piqueniques, subir em árvores?
E, nas aulas, havia respeito, amor pela pátria.. Cantávamos o hino nacional diariamente, tínhamos aulas “chatas” só na lousa e sabíamos ler, escrever e fazer contas com fluência.
Se não soubéssemos não iríamos para a 5ª. Série. Precisávamos passar pelo terrível, mas eficiente, exame de admissão. E tínhamos motivação para isso.
Hoje, professores “incapazes” dão aulas na lousa, levam filmes, trabalham com tecnologia, trazem livros de literatura juvenil para leitura em sala-de-aula (o que às vezes resulta em uma revolução), levam alunos à biblioteca e a outros locais educativos (benza, Deus, só os mais corajosos!) e, algumas escolas públicas onde a renda dos pais comporta, até a passeios interessantes, planejados minuciosamente, como ir ao Beto Carrero.
E, mesmo, assim, a indisciplina está presente, nada está bom. Além disso, esses mesmos professores “incapazes”, elaboram atividades escolares como provas, planejamentos, correções nos fins-de-semana, tudo sem remuneração;
Todos os profissionais têm direito a um intervalo que não é cronometrado quando estão cansados. Professores têm 10 minutos de intervalo, quando têm de escolher entre ir ao banheiro ou tomar às pressas o cafezinho. Todos os profissionais têm direito ao vale alimentação, professor tem que se sujeitar a um lanchinho, pago do próprio bolso, mesmo que trabalhe 40 h.semanais. E a saúde? É a única profissão que conheço que embora apresente atestado médico tem que repor as aulas. Plano de saúde? Muito precário.
Há de se pensar, então, que são bem remunerados... Mera ilusão! Por isso, cada vez vemos menos profissionais nessa área, só permanecem os que realmente gostam de ensinar, os que estão aposentando-se e estão perplexos com as mudanças havidas no ensino nos últimos tempos e os que aguardam uma chance de “cair fora”.Todos devem ter vocação para Madre Teresa de Calcutá, porque por mais que esforcem-se em ministrar boas aulas, ainda ouvem alunos chamá-los de “vaca”,”puta”, “gordos “, “velhos” entre outras coisas. Como isso é motivante e temos ainda que ter forças para motivar. Mas, ainda não é tão grave.
Temos notícias, dia-a-dia, até de agressões a professores por alunos. Futuramente, esses mesmos alunos, talvez agridam seus pais e familiares.
Lembro de um artigo lido, na revista Veja, de Cláudio de Moura Castro, que dizia que um país sucumbe quando o grau de incivilidade de seus cidadãos ultrapassa um certo limite.
E acho que esse grau já ultrapassou. Chega de passar alunos que não merecem. Assim, nunca vão saber porque devem estudar e comportar-se na sala de aula; se passam sem estudar mesmo, diante de tantas chances, e com indisciplina... E isso é um crime! Vão passando série após série, e não sabem escrever nem fazer contas simples. Depois a sociedade os exclui, porque não passa a mão na cabeça. Ela é cruel e eles já são adultos.
Por que os alunos do Japão estudam? Por que há cronômetros? Os professores são mais capacitados? Talvez, mas o mais importante é porque há disciplina. E é isso que precisamos e não de cronômetros. Lembrando: o professor estadual só percorre sua íngreme carreira mediante cursos, capacitações que são realizadas, preferencialmente aos sábados. Portanto, a grande maioria dos professores está constantemente estudando e aprimorando-se. Em vez de cronômetros, precisamos de carteiras escolares, livros, materiais, quadras-esportivas cobertas (um luxo para a grande maioria de nossas escolas), e de lousas, sim, em melhores condições e em maior quantidade.
Existem muitos colégios nesse Brasil afora que nem cadeiras possuem para os alunos sentarem. E é essa a nossa realidade! E, precisamos, também, urgentemente de educação para que tudo que for fornecido ao aluno não seja destruído por ele mesmo Em plena era digital, os professores ainda são obrigados a preencher os tais livros de chamada, à mão: sem erros, nem borrões (ô, coisa arcaica!), e ainda assim se ouve falar em cronômetros. Francamente!!!
Passou da hora de todos abrirem os olhos e fazerem algo para evitar uma calamidade no país, futuramente. Os professores não são culpados de uma sociedade incivilizada e de banditismo, e finalmente, se os professores até agora não responderam a todas as acusações de serem despreparados e “incapazes” de prender a atenção do aluno com aulas motivadoras é porque não tiveram TEMPO.
Responder a essa reportagem custou-me metade do meu domingo, e duas turmas sem as provas corrigidas.
Vamos fazer uma corrente via internet, repasse a todos os seus! Grata.
Vamos começar uma corrente nacional que pelo menos dê aos professores respaldo legal quando um aluno o xinga, o agride... chega de ECA que não resolve nada, chega de Conselho Tutelar que só vai a favor da criança e adolescente (capazes às vezes de matar, roubar e coisas piores), chega de salário baixo, todas as profissões e pessoas passam por professores, deve ser a carreira mais bem paga do país, afinal os deputados que ganham 67% de aumento tiveram professores, até mesmo os "alfabetizados funcionais". Pelo amor de Deus somos uma classe com força!!! Somos politizados, somos cultos, não precisamos fechar escolas, fazer greves, vamos apresentar um projeto de Lei que nos ampare e valorize a profissão.
Vanessa Storrer - professora da rede Municipal de Curitiba!
VAMOS DAR FORÇA PARA QUEM FALA POR NOSSA CAUSA!!!!!!

Parabéns pela atitude de ler até o fim, somente assim teremos condições de enfrentar a situação e termos mais informações a respeito deste assunto que assola o País.
quarta-feira, 12 de outubro de 2011
Hoje festejamos as nossas crianças! Uma data que deveria ser comemorada todos os dias com respeito, educação, saúde e segurança pois estes seres maravilhosos nos foram emprestados para que os cuidássemos, lhes dando proteção e principalmente servíssemos de exemplo para eles.
Está muito difícil criar um filho pois, dentro de nossas casas procuramos educá-los como fomos educados, dentro da moralidade, respeitando as outras pessoas; mas, quando ele saem topam com uma realidade totalmente diferente onde a marginalidade, a corrupção, a insegurança  correm soltas no nosso País.
Peço que a Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, nos proteja e, principalmente coloque seu manto sobre todas as nossas crianças, e derrame suas bençãos na casa de todas as famílias que perderam suas crianças para doenças, acidentes ou vitimas de  balas perdidas.
Hoje, minha Tia Déda está fazendo 88 anos de vida, esta semana ela fez faxina em todo apartamento(2 quartos) para receber as amigas e parentes, ela mora sozinha e está sempre ativa e acelerada, comemorando a vida.
Um beijo para nós que mantemos as nossas eternas crianças em atividade!
segunda-feira, 10 de outubro de 2011
Faça!

Lembrete muito importante.
Você fez sua mamografia este ano?
Não se esqueça... Cuidar-se é amar-se!!
Um pouco de exercícios antes da mamografia...



Fui fazer o controle médico hoje... Odeio envelhecer!


A beleza desaparece mas o silicone permanece para sempre!




Ninguém necessita saber, é seu segredo!




Sim, eu fiz mamografia hoje... Como descobriu?


Não amiga, não dá para notar!



Não quebre a corrente! Agora que você riu um pouco, lembre-se que fazer a mamografia é cuidar das suas mamas e da sua saúde. Envie esta mensagem as mulheres, sua mãe, irmãs. filhas, tias, primas, amigas e até inimigas. Lembre-se que o câncer de mama é seu PIOR inimigo.



Um abraço !
Recebi por e-mail da Rosamaria Costa, do blog: http://rosacc60.blogspot.com/.
Achei ótimo!
Beijos.
quinta-feira, 6 de outubro de 2011
ACABEI DE SAIR DO BANHO E DESCOBRI...KKKK



Descobri o que me faz engordar.............
É o shampoo!!!...
No rótulo está escrito:
"Para dar corpo e volume".
Agora vou só usar detergente de louça - o rótulo diz:
"Elimina até as gorduras mais difíceis " .

Rir é muito bom!!!!!
Recebi por e-mail de uma amiga.
Beijos.

Definição de filho por José Saramago:

"Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos osmelhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado. Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo".

Fiquem com Deus!

Beijos.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Recebi por e-mail de uma amiga, que também é mãe!

Esta foi a melhor descrição do que é ser mãe que já vi. Muito bonita, emocionante e verdadeira.

Ser mãe

Nós estamos sentadas

almoçando quando minha

filha casualmente

menciona que ela e

seu marido estão

pensando em "começar

uma família". Ela diz,

meio de brincadeira:

- Nós estamos fazendo

uma pesquisa. Você acha

que eu deveria ter um bebê?

Eu digo cuidadosamente

mantendo meu tom neutro:

- Vai mudar a sua vida.

Ela diz:

- Eu sei. Nada de

dormir até tarde nos

finais de semana, nada

de férias espontâneas...

Mas não foi nada disso

que eu quis dizer.

Eu olho para a minha filha,

tentando decidir o que

dizer a ela.

Eu quero que ela saiba

o que ela nunca vai

aprender no curso de

casais grávidos.

Eu quero lhe dizer

que as feridas físicas

de dar à luz irão

se curar, mas que

tornar-se mãe deixará

uma ferida emocional

tão exposta que ela

estará para sempre

vulnerável.

Eu penso em alertá-la

que ela nunca mais

vai ler um jornal

sem se perguntar

"e se tivesse sido

o MEU filho?"

Que cada acidente

de avião, cada

incêndio irá lhe

assombrar. Que

quando ela vir

fotos de crianças

morrendo de fome,

ela se perguntará

se algo poderia ser

pior do que ver

seu filho morrer.

Olho para suas

unhas com a

manicure impecável,

seu terno estiloso

e penso que não

importa a quão

sofisticada ela seja,

tornar-se mãe irá

reduzi-la ao nível

primitivo da ursa

que protege seu filhote.

Que um grito urgente

de "Mãe!" fará com

que ela derrube um

suflê na sua melhor

louça sem hesitar nem

por um instante.

Eu sinto que deveria

avisá-la que não

importa quantos anos

ela investiu em

sua carreira,

ela será arrancada

dos trilhos

profissionais pela

maternidade.

Ela pode conseguir

uma escolinha, mas

um belo dia ela

entrará numa

importante reunião

de negócios e

pensará no cheiro

do seu bebê.

Ela vai ter que

usar cada milímetro

de sua disciplina

para evitar sair

correndo para casa,

apenas para ter

certeza de que o

seu bebê está bem.

Eu quero que a minha

filha saiba que

decisões do dia a

dia não mais serão rotina.

Que a decisão de um

menino de 5 anos

de ir ao banheiro

masculino ao invés

do feminino no

McDonalds se

tornará um enorme

dilema. Que ali mesmo,

em meio às bandejas

barulhentas e

crianças gritando,

questões de

independência e

gênero serão pensadas

contra a possibilidade

de que um

molestador de

crianças possa

estar observando

no banheiro.

Não importa quão

assertiva ela seja

no escritório, ela

se questionará

constantemente como mãe.

Olhando para minha

atraente filha, eu

quero assegurá-la

de que o peso da

gravidez ela

perderá eventualmente,

mas que ela jamais se

sentirá a mesma sobre si mesma.

Que a vida dela, hoje

tão importante, será

de menor valor quando

ela tiver um filho.

Que ela aprenderá a

dar o verdadeiro valor a sua mãe.

Saberá que uma noite

tranquila não significa

que foi dormida por inteiro.

Que ela a daria num

segundo para salvar

sua cria, mas que ela

também começará a

desejar por mais anos

de vida - não para realizar

seus próprios sonhos,

mas para ver seus filhos

realizarem os deles.

Eu quero que ela saiba

que a cicatriz de

uma cesárea ou estrias

se tornarão medalhas de honra.

O relacionamento de

minha filha com

seu marido irá mudar,

mas não da forma

como ela pensa.

Eu queria que ela

entendesse o quanto

mais se pode amar

um homem que tem

cuidado ao passar

talco num bebê ou que

nunca hesita em brincar

com seu filho.

Eu acho que ela deveria

saber que ela se

apaixonará por ele

novamente por razões que

hoje ela acharia nada românticas.

Eu gostaria que minha

filha pudesse perceber

a conexão que ela

sentirá com as mulheres

que através da história

tentaram acabar com as

guerras, o preconceito

e com os motoristas bêbados.

Eu espero que ela possa

entender porque eu posso

pensar racionalmente

sobre a maioria das

coisas, mas que eu me

torno temporariamente

insana quando eu discuto

a ameaça da guerra

nuclear para o futuro

de meus filhos.

Eu quero descrever

para minha filha

a enorme emoção de

ver seu filho aprender

a andar de bicicleta.

Eu quero mostrar a

ela a gargalhada gostosa

de um bebê que está

tocando o pelo macio

de um cachorro ou gato

pela primeira vez. Eu

quero que ela prove a

alegria que é tão real

que chega a doer.

O olhar de estranheza

da minha filha me faz

perceber que tenho

lágrimas nos olhos.

"Você jamais se arrependerá"

, digo finalmente.

Então estico minha mão

sobre a mesa, aperto a mão

da minha filha e faço uma

prece silenciosa por ela,

e por mim, e por todas as

mulheres meramente mortais

que encontraram em seu

caminho este que é o mais

maravilhoso dos chamados.

Este presente abençoado

de Deus que é ser Mãe.

Fiquem com Deus.

Beijos.

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Visito e recomendo!

Compartilhe!

Editora Novitas

Usuário online

http://www.usuariosonline.org">Contador de Usuários online

Sobre Mim

Minha foto
Ângela Elisabeth Losekann Coelho
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Arquivo

Tags