quinta-feira, 24 de setembro de 2009
Já falei neste espaço sobre o tempo que eu lecionava. Éramos respeitados e respeitávamos nosso aluno, o que infelizmente está difícil de encontrar nos nossos tempos.
Às vezes fico pensando no tempo da ditadura,onde existia respeito pelas autoridades, não falo só da militar, mas na escola, numa sala de aula, dentro de casa; os filhos respeitavam a opinião dos mais velhos, não existia deboche na expressão dos mais novos.
Veio a Democracia e com ela, todas as normas de conduta, de disciplina, de respeito foram sepultados com a tão alardeada ditadura.
Pessoas que agiram como guerrilheiros, subversivos, terroristas estão sendo anistiados recebendo indenizações enormes. Não vamos muito longe, temos ex guerrilheiros no nosso atual governo, e estão com a faca e o queijo na mão decidindo o futuro de nosso País, se reunindo à Países Comunistas, Socialistas ou Ditadores, está prevalecendo a vontade da minoria pois o povo que raciocina pode gritar reclamando dos desmandos mas o que vence é a manada dos analfabetos que estão sendo comprados pela "maravilhosa" bolsa família.
Estou me afastando sobre o tema deste post, esta semana ocorreu o caso do aluno que resolveu "pintar" a Escola dele; a Diretora teve a brilhante idéia de mandá-lo limpar a sua "arte" e pintar a parede. Esta Diretora está corretíssima, só que os pais acham que ele foi humilhado, creio que eles gostariam que o filho deles fosse entregue ao Conselho Tutelar para ser enquadrado como criminoso pois, conforme a nossa lei, quem é pego dilapidando o patrimônio público está cometendo um crime. O aluno não quer retornar à Escola pois se sentiu humilhado, acho que ele deveria ter vergonha da atitude dele.
A Educação começa dentro de casa, e estes pais estão mostrando isto quando se mostraram revoltados com a Diretora.
Vamos ver o lado do aluno que vê seus professores fazerem greve, atrasando o ano letivo, batendo sinetas na frente dos Palácios do Governo e, depois de um tempo sem conseguir suas reinvindicações voltarem para as salas de aula humilhados por um Governo que não lhes dá valor?
O exemplo vem de cima, vem do Governo, da Sociedade, da Família.
Vamos botar a mão na consciência e tirar esta corja que resolveu comandar este país e vamos tentar devolver a dignidade ao nosso Povo!
Desculpa o desabafo, mas esta situação está me provocando uma úlcera.
Beijos no coração de vocês.

11 comentários:

tita coelho disse...

No meu entendimento, a professora deveria ter feito o aluno limpar a sujeira com a língua! Quem não ganhae educação em casa, "apanha"na escola!
Beijos

elvira carvalho disse...

Aqui é o mesmo. Quando eu fui para a escola a minha mãe disse à professora.
"Aqui está a rapariga. Peço-lhe que faça dela uma pessoa educada e instruída. E se ela se portar mal, castigue-a. Só lhe peço que não lhe parta nenhum osso".
Hoje não se podem castigar os alunos que os pais não deixam.
Antigamente um professor mandava recado ao pai do aluno dizendo que ele estava a portar-se mal, e o pai castigava o filho. Hoje se um professor fizer isso, o pai vai tirar satisfações com o professor e às vezes até parte para a agressão.
Um abraço

ABB & KRB disse...

Esse foi o tema, que Lya Luft escreveu na Veja esta semana. Eis um paragrafo:

"Não acho graça nesse assunto. Meus anos de vida e vivência mostraram que a meninada, que faz na escola ou nas ruas e festas uma baderna que ultrapassa o divertimento natural ao seu desenvolvimento mental e emocional, geralmente vem de casas onde tudo vale. Onde os filhos mandam e os pais se encolhem, ou estão mais preocupados em ser jovenzinhos, fortões, divertidos ou gostosas do que em ser para os filhos de qualquer idade algo mais do que caras legais: aquela figura à qual, na hora do problema mais sério, os filhos podem recorrer porque nela vão encontrar segurança, proteção, ombro, colo, uma boa escuta e uma boa palavra."

Link: http://veja.abril.com.br/230909/educacao-autoridade-p-026.shtml

É necessário ser assinante ao menos on-line para ler a matéria!

Nós concordamos em vários aspectos e pontos!

Ângela Coelho disse...

Origada Adão, pela colaboração com a adição do linck sobre a entrevista da Lya Luft. Apesar dos livros dela não fazerem o meu genero, pensamos da mesma maneira sobre autoridade e disciplina.
Beijos.

paulo disse...

Acompanhei esta notícia. Os tempos infelizmente, são outros, mas eu não culparia a democracia, pois ditadura e militares são coisas muito piores.
A educação precisa ser revista.

Ângela Coelho disse...

Paulo, eu não culpo a democracia; creio que nosso povo não estava pronto para ela. Existe uma preparação para tudo e o Brasil pulou de um pólo a outro.
Abraços.

Ricardo Calmon disse...

Tiro o meu também,Angela Caríssima,a maturidade,espelha a vida,com infinita sabedoria.
Feliz fico,miga,em seguidores nos tornarmos,a vida reverenciarmos,em compartilhar eletronico esse!
bzu mãos suas,pessoa!

Viva Vida!

Ricardo Calmon disse...

Amada Amiga Agela Coelho:

Aqui vim com o proposito de em referendum a comentario seu,mas...aqui percebi comentario seu,em resposta a de Paulo...que contigo comungo,mas...todavia...senão ...entretantanto,contudo digo,como espirita criatura linda,encarnada que és,perceba...cada um é cada um,uma história de vida possui,comentarios seu em blog meu,a favor da pena de morte,me leva a te narrar,rapidamente,como roteirista e autor que sou,uma história dramática e real de vida,assistindo uma menina drogada,em informal comunidade de pessoas como nós,assustados estavamos,pois ela todos dias de vida sua,vivendo sózinha e carente materialmente também,desde menina,na rua com coleguinhas brincando,ao à casa chegar,era posta em posição ginecológica para a mãe ver se virgem ela ainda era!durante denúncias e assistencias,ela a mãe matou!compreende?cada caso,é um sofrimento de vida ,acredite!
bzu mãos suas!

Viva Vida!

Paz sempre em corações nossos!

Ângela Coelho disse...

Ricardo, é uma história muito triste realmente.
Sou a favor da pena de morte no caso de estupro violento como ocorreu com aquele bebê, meu marido foi na delegacia e ele estava rindo. Sempre acho que temos chance de aprendizado nesta vida, desde que o queiramos.
Beijos.

Sonia disse...

Uippp...amei o seu comentário pé no chão!
E você acha que não vai ter tramóia nessas Olímpiadas?Me engana que eu gosto!(Risos)
Uippp...!Mas vamos encarar!Faz parte mesmo e sabemos!Roubar é o verbo mais conjugado aqui no Rio de Janeiro.
Abafa o caso!
Amei o nome do seu blog.
Voltarei mais vezes.
Beijooosss...mill...

A felicidade passou por aqui...Anápolis - GO disse...

Olá,Angela! Estou aqui para deixar o meu apoio.Feliz restante de semana. Avani

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Visito e recomendo!

Compartilhe!

Editora Novitas

Usuário online

http://www.usuariosonline.org">Contador de Usuários online

Sobre Mim

Minha foto
Ângela Elisabeth Losekann Coelho
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Busca do Blog

Carregando...

Tags