quarta-feira, 8 de dezembro de 2010
Fiquei chocada com a notícia da morte do Professor praticada por um aluno que não GOSTOU da nota.
Vou fazer uma colocação sobre a "nota"-o aluno recebe pela prova que ele fez, mede se o aluno entendeu, participou a matéria; nenhum professor tira da cartola este comprovante.
A que ponto chegamos no Brasil, onde um aluno desgostoso mata o mestre.
Os professores devem começar a reivindicar periculosidade para trabalhar, estão sendo agredidos, maltratados e agora, assassinados.
Quando vai haver a retomada do respeito, da hierarquia? Se o professor pune um aluno, por exemplo, o aluno que pintou o local que ele pixou, é castigado; o MESTRE pode ser processado por dar alguma punição que serve de exemplos para os colegas do aluno.
O Professor deixou de ser um Educador para ser uma pessoa sempre na defensiva, se sentir acuado dentro do seu trabalho.
O salário dele é muito baixo, ele trabalha por gostar de transmitir conhecimento aos educandos; e agora?
Eu quero saber se a Justiça vai tomar alguma atitude já que as Secretarias de Educação são reféns destes pseudo alunos.
Os Professores estudam, fazem pós e até mestrado para terminarem comprando uma armadura para se defenderem.
Ao Espírito do Professor Kássio Vinícius Castro Gomes paz, entendimento e muita luz.
À família do Professor Kássio, meus sentimentos.
Um beijo e muita Paz para todos nós.

10 comentários:

Mariana disse...

Angela q saudades de ti, q bom q me visitaste;
vinha aqui e não t encontrava.
Espero q estejas bem e feliz.
Sobre o teu texto, tens toda a razão, educação não é e nunca foi prioridade para os governantes.
Imagina um povo educado e consciente dos seus direitos, isto seria mt ruim para "eles"...
mas vamos continuar protestando..
Beijos e um grande abraço

Odele Souza disse...

Angela,

Perfeito o seu texto. Que chocante este crime.Quanta insegurança para os professores.No meu tempo de estudante os professores eram mais respeitados, mais amados. Bem ao contrário do que se vê hoje.

beijos pra você Angela.

Chica disse...

Está passando looooooooooonge! A situação está triste e cada vez mais vemos casos asim. Até quando? um beijo,tudo de bom,lindo dia! (Hoje finlmente entrou mais fácil teu blog,srsr)chica

Luma Rosa disse...

O mês passado uma professora foi espancada por um estudante e pasme, o curso era de enfermagem! Que raios de enfermeiro seria essa pessoa?
Muitos professores vivem à mercê do sistema, não podem avaliar o aluno corretamente porque dentro do plano de educação, uma escola não pode reprovar muito, porque a nota de avaliação da escola caí. Esse bandidos que frequentam escolas, sabem disso e fazem os professores de trouxas dentro da sala de aula. Mas parece que o governo federal, não satisfeito com os índices de evasão escolar, veio agora com essa:

http://gepetts.blogspot.com/2010/05/mec-vai-recomendar-o-fim-da-reprovacao.html

Fico indignada com essas histórias! A minha mãe era professora e mesmo depois que aposentou, recebíamos em casa vários ex-alunos que carinhosamente se lembravam dela. Os tempos mudaram!

Beijus,

Sônia Silvino disse...

Angela querida!
É a triste inversão de valores!

O ano está terminando...
Quero agradecer a você pelas alegrias que me proporcionou em 2010!
Sua participação nos meus blogs, seus comentários, suas visitas que tanta alegria trazem ao meu coração.
Desejo a você um lindo Natal, cheio de paz, saúde e felicidade!
Que 2011 seja espetacular para você!
Que continuemos e aprofundemos a nossa amizade virtual que torna tão especial e feliz a nossa vida real!
Boas Festas!!!
Beijos, muitos!
Sônia Silvino's Blogs
Vários temas & um só coração!

ONG ALERTA disse...

Infelizmente no Brasil este respeito náo existe, beijo Lisette.

Paulo disse...

A incoerência manifesta-se em todos os campos.
Quem agride perde a razão, se é que a tinha.

Abraço, Angela

ZildaeAntonio disse...

Oi, Ângela
Estava comentando com meu marido a que ponto chegou o desrespeito e a violência com que os professores são tratados, atualmente.
Lembramos da nossa infância em que tínhamos uma grande admiração, respeito e até carinho pelos nossos mestres.
Fico me perguntando se a ausência da educação em casa, a falta de limites com que as crianças são criadas, não seriam os motivos de tal falta de respeito.
Lá no Rio, onde nascemos, e moramos por muitos anos, os professores são constantemente agredidos pelos alunos e não estou falando de classe C ou D e sim de jóvens bem nascidos, que estão cada vez mais mal criados e violentos.
Desejamos a vc e sua família um Feliz Natal com paz, saúde, amor e que haja mais respeito ao próximo no ano que virá.
Um abraço e tudo de bom!

betty disse...

A raíz desse comportamento tão agressivo dos jovens está, frequentemente, nas suas próprias famílias.
Os pais estão ausentes da educação dos filhos, seja pelas muitas horas que passam no trabalho, e o cansaço daí advindo, ou até mesmo por absoluta irresponsabilidade.

Outro dia, no prédio onde moro, presenciei uma cena de estarrecer qualquer pessoa de bom senso. Crianças brincavam na varanda de um apartamento, e faziam tal algazarra - pareciam todas histéricas - que alguns moradores resolveram reclamar. Foi então que, pasme, o pai dessas crianças falou bem alto: Estão reclamando de vocês... gritem mais... gritem mais...

Serão essas crianças que irão agredir e matar, não só os professores, mas qualquer pessoa que as contrariem.

É o fim do mundo!

Beijinho pra você.

LC disse...

Oi Angela, muito triste toda essa barbaridade.

As pessoas perderam seus valores morais, éticos e espirituais.E lamentávelmente vemos esse e outros quadros de crueldade como pano de fundo nesta sociedade psicopata e sem punição.

Que Deus tenha piedade de nós!

Um beijo com afeto da amiga Lu C.

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Viagens promocionais

Viagempédia - Hotéis, Viagens e Férias

Visito e recomendo!

Compartilhe!

Editora Novitas

Usuário online

http://www.usuariosonline.org">Contador de Usuários online

Sobre Mim

Minha foto
Ângela Elisabeth Losekann Coelho
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Tags